No dia 27 de outubro de 2020, a juíza Vanessa Rios Seabra concedeu liminar para bloquear um alto valor das contas de uma empresa de consórcio que atua no estado de Goiás. A acusação é devido a suspeita de golpe contra consumidores. A famosa fraude em consórcio, onde empresas desonestas se passam por empresas sérias para enganar pessoas que necessitam do crédito com urgência. A notícia foi dada pelo portal de notícias rota jurídica.

Apesar da recorrência em que casos como esse vem a tona,  cada vez mais nós consorciados nos unimos e divulgamos estratégias para não cair nesse tipo de falcatrua.

Já escrevemos anteriormente no blog sobre como evitar os golpes. Nele deixamos claro a importância de se procurar uma empresa séria e comprometida, como a ConsorcioCred, para se precaver de fraudes na hora de garantir sua carta de crédito contemplada ou não contemplada.

Agora que você já sabe que é preciso buscar uma empresa séria e com alto índice de aprovação entre os clientes para não ficar sujeito a ser enganado, nós vamos te ensinar como identificar as diferentes formas de fraude do consórcio, para assim, podermos todos nós consorciados combatermos esse mal juntos.

O QUE É A FRAUDE EM CONSÓRCIO

O mercado de consórcios no Brasil reúne empresas sérias e dedicadas em ajudar o cliente acima de tudo sempre. A ConsorcioCred é um exemplo disso. Nosso enorme contingente de comentários positivos nas avaliações do google nos proporcionam uma reputação cada vez mais elevada dentre os consumidores de consórcio e dentre as empresas do ramo. 

Mas mesmo com nossa luta por um atendimento qualificado, seguro e livre de burocracia, é comum que pessoas, ou até mesmo empresas, explorem algumas mentiras já conhecidas, para assim, aplicar os mais variados tipos de fraude na hora do cliente buscar seu consórcio.

Esse comportamento desonesto que pessoas e empresas teimam em explorar acaba por trazer prejuízos desconcertantes a saúde financeira das vítimas, trazendo prejuízos muitas vezes irreparáveis às vítimas, que precisam lidar não apenas com a dor de cabeça mas também com todos os custos jurídicos que o processo de fraude em consórcio pode envolver.

Todas as vezes que surgir uma oportunidade cujo as características sejam vantajosas ao extremo, como valor de entrada abaixo do mercado ou promessa de contemplação, desconfie. 

Esses tópicos caracterizam alguns dos detalhes mais presentes nas fraudes em consórcio. 

As administradoras, fiscalizadas pelo Banco Central, devem ter os processos para contemplação transparentes e abertos, não podendo ser induzido a favorecer determinado sujeito.  A fraude em consórcio pode ocorrer para a compra de consórcios contemplados ou não contemplados. 

Você está buscando uma solução para a realização de um sonho. Não permita que isso se torne um pesadelo. Sempre desconfie de ofertas que ofereçam vantagens como as descritas acima.

Agora que você já sabe o que fazer para não cair em um golpe, continue a leitura para aprender a como identificar a fraude, ajudando assim não só na prevenção, mas também no combate a esse tipo de prática ilícita.

QUAIS FRAUDES EM CONSÓRCIO SÃO MAIS FREQUENTES

A melhor alternativa para qualquer pessoa que quiser garantir a realização de seu sonho é indo atrás de um consórcio. Com o mesma, é possível você iniciar a sua conquista sem ter que arcar com o problema de não ter em mãos todo o dinheiro a vista, e mesmo assim, não ter que pagar juros exorbitantes originados de financiamento bancário.

Uma vez que essa é a condição mais vantajosa a quem quer adquirir um crédito, pessoas de má índole se aproveitam dessas vantagens para assim tentar ludibriar clientes ainda novos nesse mercado.

Os consórcios, constituídos por grupos de pessoas com interesses simultâneos, como a compra de um bem ou serviço, são contemplados única e exclusivamente por lance  ou sorteio. E essa é a única forma de ter acesso antecipado ao crédito.

As responsáveis por realizar esse processo de contemplação de forma transparente e segura são as administradoras, que devem respeitar todos os pontos acordados em contrato previamente assinado.

Qualquer coisa que fuja desse processo, pode caracterizar algum tipo de golpe. E como ninguém quer ser a próxima vítima, é de suma importância saber como os golpes podem ser identificados. Segue abaixo uma descrição das principais formas de fraude já conhecidas por nós que prezamos por um atendimento seguro e de qualidade.

Golpe da carta de crédito contemplada

A melhor alternativa para qualquer pessoa que quiser garantir a realização de seu sonho através de um consórcio é indo atrás de uma carta de crédito já contemplada. Com a mesma, é possível você iniciar de imediato a sua conquista sem ter que arcar com o problema de não ter em mãos todo o dinheiro a vista, e mesmo assim, não ter que pagar os juros exorbitantes originados de financiamento bancário.

Ao adquirir a opção da cota já contemplada, você paga apenas uma entrada referente a 30% do valor da cota e adquire o direito de receber o crédito já de imediato, pagando apenas as mensalidade pendentes.

A venda de cartas de crédito contempladas é considerada legal por lei, já que a mesma é um documento oficial. Quem disponibiliza o documento oficialmente é uma administradora de consórcio, que disponibiliza ao titular da cota a condição legal de usufruir de seu crédito para que ele possa comprar o bem ou o serviço desejado.

Porém, como já foi dito, existem pessoas desonestas que tentam tirar vantagem dos outros. 

A fraude descrita no começo do texto, realizada por uma empresa de Goiás que já foi criminalizada judicialmente, é um exemplo daquele que é a mais frequente forma de fraude em consórcio conhecida no mundo: O golpe da carta de crédito contemplada.

Essa deve ser a forma mais comum de fraude em consórcio.

Nele, o cliente faz um pagamento referente a aquisição de uma carta de crédito já contemplada, com a promessa de receber o valor de imediato, sem sorteio ou lance. Porém, isso não passa de uma enganação. A carta adquirida é apenas uma carta de crédito comum como qualquer uma das outras.

Trata-se de uma falsa promessa para atrair clientes e vender cartas comuns de consórcio. Normalmente, a vítima é convencida pelas falsas promessas de vendedores desonestos.

Esse tipo de fraude pode ser veiculado por qualquer lugar. Anúncios de jornais, revistas e redes sociais são alguns dos lugares mais frequentes em que esses anúncios fictícios costumam aparecer.

Por Isso é sempre importante uma pesquisa de mercado. Assim fica mais fácil descobrir empresas com credibilidade no meio, evitando ser enganado.

Golpe do consórcio que não existe

Nesse caso, existe certa similaridade com o exemplo anterior. Porém, aqui o buraco é mais em baixo.

Diferente do caso descrito anteriormente, onde você paga por algo e adquire outro, aqui você paga e não adquire nada. Todo o diálogo que você teve com a “empresa” na hora de entrar no consórcio era mentira. Tudo mesmo, até a empresa era de fechada.

Esses casos, apesar de envolverem uma complexidade maior, são muitos comuns. Ano vai e ano vem, exemplos como esse ainda se encontram presentes nos noticiários que envolvem o cotidiano das pessoas que se relacionam com o mundo dos consórcios.

Por isso vale sempre reforçar a importância de verificar a idoneidade da empresa que você está negociando. O Banco Central é o órgão que regula e tem a responsabilidade de fiscalizar todas as administradoras de consórcios existentes no país. Para averiguar se a empresa existe de fato, é de suma importância acessar a página do Banco Central.

Golpe da “contemplação isenta a quitação das parcelas”

Uma das principais mentiras contadas por quem quer vender consórcios de forma desonesta é a de que quando você é contemplado, você fica isento de pagar as parcelas restantes. Isso é mentira e não acontece e nenhuma hipótese. Algumas administradoras possibilitam abater as parcelas futuras do crédito vigente somente após a contemplação, como por exemplo a Porto Seguro, o que não recomendamos fazer por muito tempo, pois, quanto maior o valor abatido em parcelas, menor será o seu crédito quando for faturar o bem.

Quitar o saldo devedor após a contemplação é outra possibilidade, mas isso não valer a pena pois o valor do crédito que irá receber será deduzido o valor do saldo devedor vigente, ou seja, irá receber o valor já deduzido das taxas administrativas, o que em sua maior parte, não será atrativo para o consorciado.

Portanto, muito cuidado com “promessas” na hora de efetivar a contratação do consórcio e procure a  melhor informação para que possa fazer uma contratação segura ciente de todas as regras e formas de utilização de seu consórcio.

COMO COMBATER ESSES TIPOS DE FRAUDE EM CONSÓRCIO

Como já dissemos de forma breve no início desse texto, e de forma bem mais completa no texto publicado recentemente em nosso blog sobre como evitar as fraudes, a principal forma de evitar ser uma vítima deste tipo de comportamento criminoso é procurar ajuda de uma empresa séria que vai te auxiliar tanto para escolher qual a melhor opção de crédito para você como qual as melhores administradoras para se trabalhar no mercado.

Mas, agora que você já sabe como identificar as principais formas de golpe existentes no mundo dos consórcios, o que fazer quando se deparar com um desses exemplos? 

Casos você identifique uma dessas fraudes, basta entrar em contato com algum desses órgãos para relatar a denúncia: 

No site do Banco Central você também pode verificar quais as administradoras estão autorizadas a realizar operações de crédito envolvendo consórcios.

Também é extremamente importante ressaltar que você, cliente, deve prezar por um contrato. Não realize negócios sem a segurança previa que um contrato proporciona. E claro, leia esse contrato com muita atenção.

O QUE CONSIDERAR PARA ESCOLHER O CONSÓRCIO

Sempre é bom desconfiar de negócios fáceis com valores fora do mercado. Assim, você evita uma parcela grande da chance de se envolver numa fraude em consórcio. Evite qualquer promessa de contemplação, afinal, como já foi dito, as Administradoras são fiscalizadas pelo banco central e todo e qualquer processo relativo a contemplação são honestos, além de realizados ao vivo em auditoria.

O melhor consórcio para você vai ser aquele que se adeque às suas necessidades pessoais e proporcione segurança em todo o processo. Existem diversas formas de conseguir crédito, e todas elas se encaixam a um perfil específico.  Ou seja, o consórcio somente lhe será vantajoso se o mesmo atender às suas necessidade da maneira mais completa e eficiente possível.

Por isso que se torna cada vez mais importante você pedir ajuda para uma empresa de credibilidade no mercado, como é o caso da ConsorcioCred, para que ela lhe ajude a analisar qual a melhor forma de ir atras de crédito, que vá de acordo com as suas subjetividades mas sempre prezando, acima de tudo, pela sua segurança e saúde financeira.

Nossos profissionais, que possuem mais de 15 anos de experiência no mercado, vão considerar seus objetivos pessoais e fazer de tudo para ser a solução para o seu problema de forma a não prejudicar sua economia.

A ConsorcioCred é uma empresa conceituada, idônea e séria que atua a anos no mercado com compra e venda de consórcios contemplados e não contemplados para bens móveis e imóveis, além de serviços gerais. 

Todo o processo para a liberação do crédito e aquisição do bem é realizado com transparência e rapidez.

Escolha nos links abaixo como a Consorciocred pode ajudar você!

Conheça também os depoimentos verídicos de clientes e parceiros que fizeram negócio com a ConsórcioCred.

Para mais informações e dúvidas, entre em contato conosco e fale com um de nossos especialistas em consórcio: 

Ligue agora: (11) 3105-3500 ou entre em contato pelo Whatsapp.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *